O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares - Ransom Riggs

A partir da morte de seu avô, Jacob embarca numa aventura em busca de um orfanato que fica numa ilha na costa do País de Gales. Ele viaja milhares de quilômetros em busca da habitação na qual o seu avô teria passado parte de sua infância.

Fotos que foram acessadas por Jacob o estimularam ainda mais a viver essa aventura e procurar conhecer o tal orfanato.

“(...)alguém vai saber o que aconteceu com as crianças que viviam ali. Imano que alguns deles ainda estejam vivos, se não aqui, no continente (...)”

A morte do avô de Jacob, de certo modo, parece misteriosa, pois o garoto de 16 anos tem a nítida certeza de que viu alguns dos prováveis assassinos de seu avô. No entanto, alguns acreditam que o que o avô via não era de fato real. Jacob, inclusive, é submetido a visitas a psicólogos para compreender o que se passava em sua mente.

“(...) Não podia fechar os olhos sem ver aquilo, o horror da boca cheia de tentáculos na floresta. Eu estava convencido de que aquilo havia matado meu avô e logo viria atrás de mim.”

As crianças peculiares recebem Jacob na ilha onde o tempo não passa. Lá ele terá de passar por um processo de aceitação e vai  tentar desvendar  o real motivo de ter sido incentivado pelo avô a ir atrás das crianças. O pai contava a Jacob que Abraham (o avô) falava de histórias fantasiosas sobre os colegas do orfanato para mascarar a violência da guerra.

A história criada por Ransom Riggs e publicada pela Editora Leya em 2015 (336 páginas) é arrepiante e fantástica. O autor soube lidar muito bem com o universo fantasioso que criou a partir das fotografias (que ilustram o livro). As peculiaridades de cada uma das crianças foi bem construída, os personagens são ricos, e todo o terror que assombra a narrativa são dignos de despertar a imaginação dos leitores.

A ligação da história com as fotos reais e enigmáticas, a criação de ambientes assustadores e curiosos, o cruzamento do fato histórico da guerra e a opressão sofrida por judeus com os toques de fantasia que permeiam toda a narrativa, o jogo de realismo com a fantasia, tornaram “O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares”, um dos melhores livros que li em 2016.

Sobre as fotos convém mencionarmos que foram garimpadas em feiras de antiguidade, brechós e vendas de garagem. Por serem reais, o fascínio da criação a partir delas é ainda maior. As fotos autênticas pertencem a dez colecionadores. Não dá para não ler o livro e ficar imaginando a figura real retratada na foto.

A história criada por Riggs é surpreendente, fascinante e extremamente curiosa. Um excelente livro que virou filme e foi dirigido por Tim Burton. Os personagens, ainda no livro, já parecem ter sido tirados das histórias de Burton. Confira o trailer oficial:


Logo mais teremos a resenha do livro "Cidade dos Etéreos", continuidade da série.

Sobre o autor
Foto: ransomriggs.com
Ransom Riggs cresceu na Flórida, reside em Los Angeles. Formou-se na Escola de Cinema e TV da Universidade do Sul da Califórnia. Realizou alguns curtas-metragens premiados e nas horas vagas é blogueiro e repórter especializado em viagens.

Ficha Técnica
Título: O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares
Escritor: Ransom Riggs
Editora: Leya
ISBN: 978-85-441-0284-8
Edição: 2ª
Número de Páginas: 336
Ano: 2015
Assunto: Ficção americana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.