O Regresso - Michael Punke

“O homem ferido encarou a abertura na mata por onde os dois tinham desaparecido. A raiva que lhe acometeu era completa, consumindo-o como fogo ao envolver as agulhas de um pinheiro. Não queria mais nada no mundo a não ser pôr as mãos no pescoço daqueles dois e sufocá-los até a morte.”

A história de Hugh Glass se passa no século XIX, nos anos de 1823 e 1824. O homem enfrenta um enorme urso cinzento e sai bastante ferido. Os companheiros esperam por sua morte, dado a gravidade dos ferimentos que tem por todo o corpo. Inclusive mal consegue falar, deglutir e se apresenta quase sem sinais.

O grupo de caçadores de pele do qual Hugh faz parte não pode ser atacado por índios que cercam a região. Os dez homens precisam partir, dada a decisão do comandante Henry. Eles tem de carregar Glass numa maca improvisada, mas isso retarda a caminhada. Dessa forma, outra decisão é tomada. Dois dos companheiros devem ficar com Glass, aguardando que ele morra, para enterrá-lo.

Bridge e Fitzgerald ficam com Hugh para que o grupo possa seguir sua jornada. No entanto, com a possibilidade de serem atacados por índios, eles pegam alguns pertences de Glass e abandonam o homem, que está vulnerável. Não morreu, mas pode morrer a qualquer momento dado o estado em que se encontra.

“(...) E, ao roubarem dele sua chance de sobrevivência, eles o haviam matado. Assassinaram-no, tão certo como uma faca enfiada no coração ou uma bala transpassando o cérebro. Assassinaram-no, só que ele não morreria. Ele prometeu a si mesmo que não morreria, pois viveria para matar seus assassinos.”

“O Regresso”, de Michael Punke foi publicado pela Editora Intrínseca em 2016. O livro inspirou o filme de mesmo nome, que concorreu ao Oscar. No papel de Hugh Glass, Leonardo Di Caprio levou a estatueta de melhor ator.

O caçador parte em busca de seus dois ex-companheiros que o abandonaram a míngua. Em Glass, reside uma sede por justiça, ou melhor, por vingança. Quer se vingar daqueles homens que o roubaram. Ele parte em busca dos homens e enfrenta diversos percalços nessa jornada. Num ambiente inóspito, envolvendo-se com animais, tribos de índios que desejam a morte de quem circula pela área, e estando ferido, fraco e sozinho, se lança tendo a vingança como único combustível.



Michael Punke nos dá um livro eletrizante, repleto de ação e cheio de aventuras. Glass enfrenta situações tão difíceis de se encarar que por vezes sentimo-nos sem fôlego. E haja coragem para o homem diante de tantas desventuras que tem de enfrentar para sobreviver e seguir adiante, rumo a seu objetivo de se vingar. É um livro surpreendente, e por isso é fácil imaginar os motivos que o levaram a ser adaptado para o cinema.

A história do caçador da  Companhia de Peles Montanhas Rochosas (empresa para a qual Glass trabalha), é baseada em fatos reais. No entanto, convém relatarmos que o livro é uma obra ficcional. Como destaca The Washington Post: “Uma obra soberba sobre vingança.”

Ficha Técnica
Título: O Regresso
Escritor: Michael Punke
Editora: Intrínseca
ISBN: 978-85-8057-859-1
Edição: 1ª
Número de Páginas: 270
Ano: 2016
Assunto: Romance americano

2 comentários:

  1. Oiii, tudo bem? Eu ainda não vi o filme e nem o livro. Na verdade, não tinha bem certeza sobre o que a história abordava e tal. Agora conferindo sua resenha, pude entender um pouco melhor e até fiquei curiosa :)
    Beijos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gislaine! Obrigado pela visita. É bem interessante. Vale a pena.
      Beijos.

      Excluir

Deixe aqui seu comentário.