Veneno nas Veias - M. G. Scarsbrook

Uma mulher conhecida pela sua beleza, sensualidade e por cometer crimes com poções venenosas. A história de Lucrécia Bórgia já virou filmes, minisséries, livros e inspirou diversas personagens criadas para a televisão ou para o cinema. No livro M. G. Scarsbrook, pseudônimo de Mathew Graham Scarsbrook, “Veneno nas Veias”, publicado pela Editora Geração Editorial em 2011, a própria Lucrécia Bórgia narra sua história.

Filha do Papa Alexandre VI que detém grande poder, irmã do déspota César e de Juan, filha de Vannozza, ela conta os bastidores da violenta família Bórgia. A igreja do século XV detinha um poderio muito grande e seu pai, a frente do papado, gozava de enorme poder e influência política, além de colecionar famílias inimigas.

Lucrécia fala de seu casamento, dos costumes de uma época, de crimes que mancham o nome de sua família e são cometidos sob a bandeira de proteger e engrandecer o nome Bórgia. Em sua história há muitas intrigas, dissabores em relações que são construídas com o único objetivo de aumentar o poder.

É nesse ambiente perturbador, onde a riqueza e os privilégios políticos são almejados, que vemos personagens fascinantes e conturbados, cruéis e ambíguos, mentirosos e sensíveis, e o sentimento de ambição parece ser a única fonte que os move. Para conquistar ainda mais riqueza, poder e privilégios (palavras que a toda hora surgem) eles matam, corrompem, mentem. Qualquer semelhança com fatos acontecidos no presente no meio político é mera coincidência.

Os Bórgia, família de Lucrécia, corromperam pessoas em Roma e no Vaticano. Toda sorte de gente foi influenciada pela ambição dos homens: príncipes, políticos, cardeais, artistas e bispos. Todos cederam aos encantos de uma vida de luxo e de manipulação.

No papado, Alexandre VI, é um homem que se coloca a frente de tudo e segue a vida ao lado de seus filhos. A morte de um deles é o início de uma busca desenfreada de Lucrécia. Ela deseja saber a verdade sobre a morte de seu irmão Juan e, nesse caminho, se depara com mais mortes por envenenamento, além de conhecer o lado obscuro daqueles que a cercam.

Nicolau Maquiável, o escritor do clássico livro “O Princípe”, é um dos personagens do livro e aparece como um enigmático conselheiro de Lucrécia. A mulher tem de lidar com uma trama de conspirações e chega a ser perseguida, mas tenta a todo custo não se abater e ir em busca do nome de seu inimigo, aquele que matou o seu irmão Juan, filho do Papa.

O livro de M. G. Scarsbrook é eletrizante, repleto de segredos e revelações que vão se desnudando ao longo da história. Os diálogos acompanham o ritmo da história, dando ainda gosto pela conclusão da leitura. Um romance que parece uma novela, recheada de  “pecados” humanos. “Veneno nas Veias” prende a atenção do leitor do início ao fim.


Ficha Técnica
Título: Veneno nas Veias
Escritor: M. G. Scarsbrook
Editora: Geração Editorial
ISBN: 978-85-8130-008-5
Edição: 1ª
Número de Páginas: 335
Ano: 2011
Assunto: Romance histórico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.