O Torreão - Jennifer Egan

Um misterioso castelo que resistiu ao longo dos tempos. Danny vai até lá para ajudar o seu primo a reformar o castelo e transformá-lo num hotel luxuoso. A história paira então em torno desse misterioso castelo e a própria experiência de Danny com um mundo real que se mistura a um universo fantasioso.

De certa forma, "O Torreão", de Jennifer Egan, lançado pela Editora Intrínseca em  2012, me causou certo incômodo. Vamos então aos fatores que mexeram comigo: um deles é o fato de que os diálogos são colocados em meio a própria narrativa, sem travessões ou apresentados com o nome do personagem antes da fala, igual aos textos teatrais. Isso deixa confuso e faz parar a leitura para avaliar se foi algo dito pelo personagem ou algo expresso pelo autor para contar a história.

Outro fator que me incomodou foi a mudança de tempo. Há uma mistura entre o tempo presente e o tempo passado, que nos leva a uma confusão tal qual como o personagem Danny. Objetivo da escritora? Não sei. Se era confundir, tenho certeza de que o alvo foi alcançado.

A mistura de imaginário e real é uma forma usada por diversos escritores, mas senti que em "O Torreão" essa fórmula não fluiu de maneira tão eloquente. Em que pese o fato de eu ter lido vários elogios sobre o livro, de fato não o colocaria na minha lista de recomendações para amigos e leitores vorazes.

Há certo humor, há bons elementos de uma composição ficcional, há personagens complexos e cheios de vida e personalidade, mas a leitura não me envolveu. Daqui a algum tempo, provavelmente eu me lance numa releitura e, quem sabe, eu tenha uma opinião diferente.

Ficha Técnica
Título: O Torreão
Autor: Jennifer Egan
Editora: Intrínseca
ISBN: 978-85-8057-190-5
Edição: 1ª
Ano: 2012
Número de Páginas: 240
Assunto: Ficção americana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.