O Mágico de Oz – L. Frank Baum


Sinopse

Era um dia normal na vida da pequena Dorothy, em uma região rural dos Estados Unidos, até que, em meio à confusão de um tornado, ela é transportada para um mundo estranho e mágico, habitado por seres fantásticos e dominado por bruxas más a Leste e a Oeste. Nesse mundo, a garota faz amigos muito especiais: o Espantalho, o Homem de Lata e o Leão Covarde. Juntos, eles partem em busca da única pessoa que poderá ajudar Dorothy a voltar para casa: o poderoso e misterioso mágico de Oz. Mas, para isso, eles terão que enfrentar diversos perigos e, acima de tudo, encarar os seus próprios medos, que só poderão ser superados por meio da esperança.


Dorothy mora em uma pequena casa de madeira  em Kansas nos Estados Unidos com seu Tio Henry e sua Tia Em. Eles são surpreendidos por um ciclone e Dorothy com seu cãozinho Totó são levados pelo vento, dentro da casa. Depois de horas sendo carregados pelo ciclone, Dorothy adormece.

A menina acorda numa terra fantástica e após a morte de uma bruxa ela é presenteada com os sapatos que pertenciam a ela. Ela é orientada a procurar por Oz na Cidade das Esmeraldas e contar-lhe sua história. Para chegar lá ela deve seguir por uma estrada de tijolos amarelos.
“Dorothy acordou com uma pancada tão repentina e severa que, se não estivesse deitada na cama macia, talvez tivesse se ferido. A trepidação a fez recuperar o ar e se perguntar o que tinha acontecido; Totó, assustado encostou seu focinho frio no rosto da garota e resmungou. Dorothy se sentou e percebeu que a casa não estava se movimentando; tampouco estava escura, pois a forte luz do sol entrava pela janela, inundando o pequeno cômodo. Ela pulou da cama e, com totó em seus calcanhares, correu para abrir a porta.”
Ao longo do caminho Dorothy e Totó encontram o Espantalho que deseja ter um cérebro, o Homem de Lata que almeja ter um coração e o Leão que quer ter coragem. Na medida em que os conhece, cada um deles se junta ao grupo e segue em busca de Oz.

No percurso até a Cidade das Esmeraldas eles enfrentam obstáculos e desafios que os propulsionam a superar seus medos. Lá na cidade recebem a missão de procurar e eliminar a  temida Bruxa Malvada do Oeste. Só depois de vencê-la é que eles podem voltar e falar com Oz para pedir a realização de seus desejos.
“_ É difícil dizer – falou o homem, pensativo – Veja bem, Oz é o Grande Mágico e pode tomar qualquer forma que desejar. Portanto, alguns dizem que ele se parece com um pássaro; outros garantem que tem a aparência de um elefante; e outros ainda afirmam que se parece com um gato. Para alguns, parece um belo elfo, ou um peixe, ou qualquer outra forma que ele queira adotar. No entanto, quem Oz é sem sua verdadeira forma, isso nenhuma pessoa viva é capaz de dizer.”
De volta, encontram o poderoso e misterioso mágico, a única possível pessoa capaz de ajudar Dorothy e Totó a voltar para casa.

A primeira edição de “O Mágico de Oz” foi publicada em 1900. Uma história de fantasia que encantou e encanta crianças, jovens e adultos até os dias atuais. Se tornou um dos livros mais populares da literatura americana infantil.  O livro teve sua versão musical da Broadway, teatral e cinematográfica e a última obra inspirada nos manuscritos de L. Frank Baum foi o filme “Oz: Mágico e Poderoso”.

Uma boa leitura de fantasia, um clássico conto de fadas que nos dizeres do autor em abril de 1900 foi realizado para ser um conto “no qual as maravilhas e a alegrias são mantidas, e as mágoas e os pesadelos são deixados de fora.” Sem dúvida, os personagens habitam até hoje o imaginário dos leitores.

Ficha Técnica
Título: O Mágico de Oz
Escritor: L. Frank Baum
Editora: Universo dos Livros
ISBN: 978-95-7930-375-3
Número de Páginas: 160
Edição:
Ano: 2013
Assunto: Literatura infantojuvenil / Fantasia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.